Índios Xavantes decidem plantar arroz e dão primeiro passo rumo à independência

 Índios Xavantes decidem plantar arroz e dão primeiro passo rumo à independência

(Foto: reprodução)

Índios xavantes da terra indígena Sangradouro, em Primavera do Leste, deram o primeiro passo rumo à independência e iniciaram na sexta-feira (11.12) o processo de preparação da terra para o plantio do arroz.

A iniciativa faz parte do projeto Independência Indígena lançado no ano passado e prevê a disponibilização de ferramentas para que eles produzam seus alimentos para subsistência e, posteriormente, comercialização.

O Independência Indígena é resultado de uma parceria entre o Governo de Mato Grosso com o Sindicato Rural de Primavera do Leste e Fundação Nacional do Índio (Funai). Ao todo serão beneficiados 2.700 mil xavantes de 57 aldeias situadas na terra indígena que abrange os municípios de Primavera, Poxoréu, General Carneiro e Novo São Joaquim. A área a ser utilizada para o plantio é de 999 hectares.

A segunda fase de gradeamento será iniciada nos próximos dias e a previsão é que a colheita do arroz ocorra em até três meses. No local também haverá plantação de milho e feijão, conforme explicou o cacique e presidente da cooperativa indígena da Grande Sangradouro e Volta Grande, Gerson Warawe.

“Nossa maior expectativa com esse plantio é mostrar para o mundo que a gente é capaz de produzir e ser independente, sem precisar buscar recursos na cidade. Tivemos algumas dificuldades no início, mas futuramente por meio dessa lavoura mecanizada alcançaremos o nosso progresso sem provocar o desmatamento ou danos ao meio ambiente ou ao ser humano”, disse.

Digiqole ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *