Emanuel diz que deve abrir mais 40 leitos de enfermaria no Hospital Militar na Capital

 Emanuel diz que deve abrir mais 40 leitos de enfermaria no Hospital Militar na Capital

(Foto: reprodução)

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), afirmou que trabalha na requisição para a abertura de mais 40 leitos de enfermaria que atenderá pacientes acometidos pela Covid-19, no Hospital Militar, localizado no bairro Goiabeiras, na Capital.

“Estamos preparando, ainda não tenho data, porque depende de equipe médica, recursos humanos, equipamentos e uma adequação no local. Mas quero abrir lá mais 40 leitos de enfermaria, chegando a 400 leitos, se Deus quiser entre UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e Enfermarias para salvar vidas e acolher a população cuiabana e a população mato-grossense, nessa guerra travada contra a pandemia da covid, até que chegue a vacina, que é meu foco maior”, disse Emanuel.

Na última semana, o prefeito anunciou a mudança na estrutura do Hospital Municipal São Benedito, transformando-o em hospital referência no atendimento à Covid-19. A unidade de saúde, já disponibilizava para a população 40 leitos de UTI Covid. Com a mudança, o Hospital passa a contar com 60 leitos de UTI e outros 40 leitos de enfermaria, tornando assim, a segunda unidade de saúde referência no atendimento para pacientes com a covid na Capital.

Com a instalação dos novos leitos, a capital passa a ter 155 leitos exclusivos de UTI Covid, distribuídos entre Hospital Referência (95 vagas – sendo 80 para adultos e 15 pediátricas) e outras 60 no São Benedito.

Além do reforço na terapia intensiva, Cuiabá passa a contar também com mais 109 leitos de enfermaria exclusivas para pacientes com covid-19, sendo 18 na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Verdão, 25 leitos na Policlínica do Verdão, 26 na UPA Sul, que fica no bairro Pascoal Ramos. O Hospital Municipal São Benedito, passa a contar também com 40 leitos de enfermaria para casos de covid-19, assim como o antigo Pronto Socorro, que possui mais 96 leitos de enfermaria.

Digiqole ad

Claryssa Amorim - Mais Que Fato

http://www.maisquefato.com.br

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *