Empresa promove economia de 87 milhões de litros de água com formas que não precisam ser lavadas

 Empresa promove economia de 87 milhões de litros de água com formas que não precisam ser lavadas

(Foto: divulgação)

Fazer bolo e não precisar lavar a forma já é uma realidade. As formas sustentáveis que servem para bolos, panetones e outros doces e salgados comercializadas pela Sulformas bateram a incrível marca de 27 milhões de unidades vendidas desde a criação da empresa, em 2016. Recentemente, a marca viu o número de vendas crescer em 800% durante a pandemia do novo coronavírus, quintuplicando o tamanho da companhia.

Em 2020 a procura pelas formas sustentáveis aumentou em ritmo acelerado, tendo em vista que a recessão econômica levou muitos brasileiros a buscarem fontes de renda alternativa, como a venda de bolos e doces. Além de ambientalmente corretas, as formas sustentáveis tornam a vida do empreendedor mais fácil porque, além de não precisar lavar, elas podem ir normalmente ao forno e já servem como embalagem.  Após o descarte, se decompõem em até 180 dias.

Para consolidar o posicionamento do produto frente ao público que se preocupa com o meio ambiente, em setembro a Sulformas lançou a campanha “Eu Não Lavo Forma”, que enfatiza a economia de água num momento em que a estiagem é um problema vivido em quase todo o território nacional. A campanha busca impactar consumidores de Norte a Sul do Brasil, já que o produto está disponível em todos os estados, incluindo o Distrito Federal.

Segundo Anderson Oliveira, sócio-diretor da Sulformas ao lado de Charles Erthal, a perspectiva é aumentar ainda mais a economia de água entre o principal público consumidor: as boleiras. “Toda a economia já gerada até agora com as formas que não precisam ser lavadas corresponde a 81 milhões de litros de água, pois a limpeza de cada forma de plástico ou alumínio exige ao menos três litros. Ficamos felizes em ampliar um pouco mais o termo “sustentável” para os nossos clientes. Uma sustentabilidade que começa com um produto biodegradável, que traz economia de recursos hídricos e economiza muito tempo. A estimativa para 2020 é a venda de 25 milhões de unidades e o lançamento do Econômetro, que vai contabilizar o impacto total da ação em relação ao consumo hídrico”, explica.

A origem

As formas sustentáveis vendidas pela Sulformas são produzidas pela multinacional italiana Ecopack, que atualmente já é a fornecedora de grandes empresas como Bauducco, Nestlé, Kopenhagen, Casa Suíça e Grupo Bimbo (este com marcas como Ana Maria, Nutrella, Pullman, Crocantíssimo). A Sulformas é a distribuidora oficial da marca no Brasil e também responsável por popularizar o conceito do produto no varejo.

“São vários tipos de ganho no uso das formas sustentáveis. Além da questão ambiental, as boleiras encontram um produto completo, que já funciona como embalagem, o que leva também a uma produção mais rápida. Há ainda a economia com o desmoldante, um produto que precisa ser aplicado quando é necessário tirar o bolo da forma antes de embalar”, finaliza Charles.

Para acompanhar a campanha #eunãolavoforma, acesse o site eunaolavoforma.com.br.

Digiqole ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *