Por causa da pandemia, apuração dos votos será transmitida pela TV Assembleia

 Por causa da pandemia, apuração dos votos será transmitida pela TV Assembleia

(Foto: Fablício Rodrigues/ALMT)

A TV Assembleia fará a transmissão ao vivo, com exclusividade, da apuração das eleições em Mato Grosso, no próximo dia 15 de novembro, direto do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT). A parceria foi firmada entre o Poder Legislativo e a Justiça Eleitoral em função da pandemia do novo coronavírus e acordada com os partidos, rádios e emissoras.

“Vai ser um fato inédito porque, em outros anos, por não haver pandemia, todas as emissoras faziam a transmissão. Essa parceria é muito importante para a televisão, para a Assembleia Legislativa, enquanto órgão legislador e para a sociedade”, destacou o superintendente da TV Assembleia, jornalista Jaime Neto. Segundo ele, a TVAL é a única emissora pública estruturada para fazer a transmissão ao vivo.

Jaime Neto fez questão de destacar o apoio da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa e, em especial, da secretária de Comunicação da Casa de Leis, Rosimeire Felfilli, para a consolidação da transmissão. Na segunda-feira (9), uma reunião entre servidores da Assembleia Legislativa e do Tribunal Regional Eleitoral definiu os detalhes para a transmissão da apuração da eleição em Mato Grosso. “A visita foi para ajustar a parte técnica e reconhecimento do espaço físico”, disse Jaime Neto.

Para o superintendente da ALMT, “mais uma vez a Assembleia Legislativa está em consonância com a sociedade. Será uma opção para o eleitor mato-grossense, um serviço de alta relevância que, aliás, tem sido uma constante da TV Assembleia”, disse Jaime Neto, recordando a transmissão das aulas do ano letivo aos estudantes da rede estadual de ensino, por conta da pandemia, e das aulas presenciais do Intensivão Pró-Enem.

O diretor-geral do Tribunal Regional Eleitoral, Mauro Sérgio Diogo, argumentou que, em função da pandemia do coronavírus, a apuração, ao contrário de anos anteriores, será feita na sede do TRE-MT. “No centro de eventos aglomerava mais de 1500 pessoas. Por conta disso, já tabulamos tudo com os partidos, com as emissoras de rádio, TV, internet, enfim, tudo foi definido. Tem também a questão econômica, anteriormente, o espaço era locado, e com isso o Tribunal estará economizando cerca de R$ 260 mil”, disse.

Mauro Diogo observou que a parceria foi feita com a TV Assembleia por se tratar de uma emissora pública. “Buscamos essa parceria com a Assembleia Legislativa e apenas uma única emissora estará aqui dentro, uma emissora pública, e agradecemos muito essa parceria, que será uma grande prestação de serviço para todos”, adiantou.

Segundo ele, assim que for encerrada a votação, às 17 horas do próximo domingo, os trabalhos de apuração terão início no TRE. “Encerramos a votação às 17 horas de domingo, a partir daí, começam chegar alguns boletins já totalizados. Nossa previsão é ter o resultado final na noite de domingo. Estamos preparados para isso”, completou.

Digiqole ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *