Prefeitura de Cuiabá inaugura o primeiro ambulatório de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS)

 Prefeitura de Cuiabá inaugura o primeiro ambulatório de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS)

A Prefeitura de Cuiabá, através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), inaugura, nesta segunda-feira (16), às 8h, o primeiro ambulatório de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS) na Atenção Primária à Saúde, que funcionará na unidade básica de saúde (UBS) do bairro Grande Terceiro e contará com quatro profissionais.

O secretário-adjunto de Atenção Primária à Saúde, Dr. Xavier, afirma que “em mais de 30 anos do Sistema Único de Saúde, é a primeira vez que Cuiabá terá um ambulatório PICS na APS, graças a esta gestão humanizada do prefeito Emanuel Pinheiro. Já oferecemos algumas práticas integrativas no Horto Florestal, mas não como um ambulatório, então, este é um grande avanço na nossa saúde pública”, afirma.

Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS) são recursos terapêuticos que buscam a prevenção de doenças e a recuperação da saúde, com ênfase na escuta acolhedora, no desenvolvimento do vínculo terapêutico e na integração do ser humano com o meio ambiente e a sociedade.

As práticas foram institucionalizadas por meio da Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS (PNPIC). São elas: Medicina Tradicional Chinesa/Acupuntura, Medicina Antroposófica, Homeopatia, Plantas Medicinais e Fitoterapia, Termalismo Social/Crenoterapia, Arteterapia, Ayurveda, Biodança, Dança Circular, Meditação, Musicoterapia, Naturopatia, Osteopatia, Quiropraxia, Reflexoterapia, Reiki, Shantala, Terapia Comunitária Integrativa, Yoga, Apiterapia, Aromaterapia, Bioenergética, Constelação familiar, Cromoterapia, Geoterapia, Hipnoterapia, Imposição de mãos, Ozonioterapia e Terapia de Florais.

De acordo com o Ministério da Saúde, essas práticas são transversais em suas ações no Sistema Único de Saúde (SUS) e podem estar presentes em todos os pontos da Rede de Atenção à Saúde, prioritariamente na Atenção Primária com grande potencial de atuação. Uma das abordagens desse campo são a visão ampliada do processo saúde/doença e da promoção global do cuidado humano, especialmente do autocuidado. As indicações são embasadas no indivíduo como um todo, considerando-o em seus vários aspectos: físico, psíquico, emocional e social.

Digiqole ad

Roger - Mais Que Fato

http://www.maisquefato.com.br

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.