Viaduto Murilo Domingos movimentou cerca de mil vagas de emprego durante sua execução

 Viaduto Murilo Domingos movimentou cerca de mil vagas de emprego durante sua execução

Projetado para melhorar a mobilidade urbana de uma das regiões com maior fluxo da cidade, o viaduto Murilo Domingos também foi responsável por trazer para a Capital um importante benefício socioeconômico. Um levantamento feito pela Secretaria Municipal de Obras Públicas aponta que a obra movimentou cerca de mil vagas de emprego durante sua construção.

A sondagem engloba todas as atividades que, de forma direta ou indireta, tiveram participação na edificação da estrutura. Dessa forma, além dos operários da empresa contratada para executar a obra, o número soma ainda os fornecedores e transporte de materiais, fornecedores de alimentação, colaboradores das concessionárias de água e energia elétrica, servidores das secretarias municipais, entre outros setores envolvidos.

Do levantamento do canteiro até a conclusão de todos os trabalhos, a construção do viaduto Murilo Domingos foi dividida basicamente em quatro etapas: mesoestrutura, infraestrutura, superestrutura e serviços complementares, cada uma delas composta por diferentes atividades. Engenheiros, topógrafos, maquinistas, produtores de pré-moldados, eletricistas, pedreiros são exemplos de profissionais que atuaram na obra.

“Mesmo antes de ser entregue, a construção do viaduto já gerou esse importante benefício para Cuiabá. São famílias que puderam se manter financeiramente graças aos empregos gerados. Em um momento complicado como o que estamos vivendo, enfrentando uma pandemia com prejuízos econômicos para todos, esse é um fato que devemos comemorar muito”, comenta o prefeito Emanuel Pinheiro.

O vice-prefeito e secretário de Obras Públicas, José Roberto Stopa, também comemorou a notícia. “Parece um detalhe pequeno, mas todas essas pessoas puderam alimentar suas famílias, suprir suas necessidades, com dignidade e de forma honesta. Ainda podemos destacar que tudo isso gera uma grande movimentação no comércio local, que também conta com milhares de funcionários”, completou.

A obra, localizada na Avenida Manoel José de Arruda (Av. Beira Rio), está na fase final e será entregue à população no próximo dia 5 de maio, às 18h30. Durante vistoria realizada na quinta-feira (29), Pinheiro e Stopa observaram que já está em andamento o trabalho de paisagismo que, além do plantio de grama, palmeira e outras espécies de plantas ornamentais, também contará com a pintura dos pilares de sustentação.

O viaduto é batizado de Murilo Domingo em homenagem ao ex-prefeito de Várzea Grande e ex-deputado federal por Mato Grosso, falecido aos 78 anos. Além da atuação política e comercial, exerceu um papel fundamental no campo ambiental. Murilo foi uma das primeiras lideranças políticas a levantar discussões e promover ações concretas de preservação do Rio Cuiabá. (Com Assessoria)

Digiqole ad

Elloise Guedes - Mais Que Fato

https://maisquefato.com.br/

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *