Adolescente que teve corpo incendiado por negar sexo a três com homens morre após 14 dias internado

 Adolescente que teve corpo incendiado por negar sexo a três com homens morre após 14 dias internado

(Foto: divulgação)

Um adolescente de 17 anos que se recusou a fazer sexo a três, em Pedro da Cipa (a 448 km de Cuiabá), morreu na madrugada desta terça-feira (20), no Hospital Municipal de Cuiabá, após 14 dias internado. A vítima sofreu queimaduras de 1º e 2º grau.

Jean Alexandre dos Santos teve o corpo incendiado por dois homens, em 6 de abril, após negar o ménage à tróis.

Segundo o boletim de ocorrência, testemunhas relataram que quando perceberam o fogo no corpo da rapaz, acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e socorreram a vítima.

Ele foi levado ao Hospital de Jaciara (a 143 km de Cuiabá) e devido a gravidade da situação foi transferido para Cuiabá.

Consta no boletim que os dois homens identificados como “Dimilsinho” e Bebê”, fizeram o convite a Jean para terem relação sexual. Porém, Jean não aceitou e com isso, um deles começou a jogar gasolina nele e ameaçá-lo.

Digiqole ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *