Defesa de suspeitos de aplicarem golpes em empresários de Confresa nega as acusações

 Defesa de suspeitos de aplicarem golpes em empresários de Confresa nega as acusações

(Foto por: PJC-MT)

A defesa de dois suspeitos de aplicarem golpes no município de Confresa (a 1.002 km de Cuiabá), que não tiveram os nomes revelados, emitiu uma nota desmentindo todas as acusações feitas contra seus clientes.

Os suspeitos foram presos pela Polícia Civil no dia 25 de março, que de acordo com a PJC, são acusados por vários empresários e comerciantes da cidade de aplicarem golpes fraudulentos. Na ação, os envolvidos se apresentavam como jornalistas de uma empresa sediada na Capital, e ofereciam às vítimas trabalhos de mídia e propaganda.

Ao serem denunciados, os suspeitos foram presos em flagrante pelos Investigadores da Derf quando acabavam de, supostamente, tentar aplicar o golpe em mais um empresário da cidade. O advogado por meio da Revista Opinião Visionário Ltda, negou todas as acusações afirmando que seus clientes foram liberados logo depois.

Por meio de nota, a defesa dos suspeitos explicaram que “após mais de 24h detidos na delegacia sob essa frágil justificativa, os acusados foram apresentados ao Juízo da 3ª Vara Criminal da Comarca de Porto Alegre do Norte – MT, oportunidade em que, logo depois, em audiência de custódia, o MM. Juízo e a ilustre membro do Ministério Público entenderam não estar demonstrados, na acusação e elementos colhidos, prova da existência de crime e demais requisitos autorizadores da manutenção da prisão realizada, razão pela qual determinou suas imediatas solturas”.

O advogado explicou ainda que “na mesma oportunidade demonstramos também que se trata de empresa séria, regularmente registrada junto à Receita Federal do Brasil e que desempenha seu trabalho em diversos municípios e Estados há mais de 5 anos, cumprindo fielmente os compromissos assumidos”.

Aos clientes que se sentiram vítimas de golpes, a defesa afirmou que está a disposição para esclarecimentos das acusaçãoes. “A Revista Opinião Visionário Ltda. reafirma os compromissos assumidos com os diversos clientes no município de Confresa e se coloca totalmente à disposição de seus clientes e da justiça, assim como sempre esteve, pois objetivamos esclarecer esse equívoco, mantendo a honra e o bom nome da empresa e de seus colaboradores”, disse a nota.

A Polícia Civil informou que as investigações sobre o caso estão em andamento.

Veja a nota na íntegra: file:///C:/Users/Usuario/Downloads/Nota%20A%CC%83%C2%A0%20Imprensa%20-%20OpiniA%CC%83%C2%A3o%20VisionA%CC%83%C2%A1rio.pdf

Digiqole ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *