Em fiscalização, agentes flagram motoristas estacionados em vagas prioritárias em shoppings e supermercados

 Em fiscalização, agentes flagram motoristas estacionados em vagas prioritárias em shoppings e supermercados

Agentes de Trânsito da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) flagraram em mais uma operação ‘Tolerância Zero’  realizada na noite desta quarta-feira (12) – motoristas  e motociclistas estacionados em vagas reservadas para idosos e pessoas com deficiência (PDC).  A ação foi educativa, mas, a partir de   15 de junho – os agentes irão aplicar uma penalidade aos motoristas infratores.

Os locais visitados foram:  shoppings, parques e supermercados. Os motoristas flagrados estacionados irregularmente receberam uma cartilha orientativa  que aponta os  ‘erros’ de ocuparem uma vaga prioritária de estacionamento.

O secretário de Mobilidade Urbana, Juares Samaniego, avisa que a ideia é conscientizar a população para que não usem as vagas reservadas. “Todos os dias, alguns motoristas ou motociclistas irresponsáveis  usam vagas prioritárias. Recebemos muitas queixas dos cidadãos com deficiência ou idosos que se veem impedidos de utilizarem essas vagas porque estão sendo ocupadas por aqueles que não necessitam delas. Por enquanto, não estamos aplicando multas, mas em junho iremos começar as autuações a esses motoristas”, explicou.

Estacionar em vagas reservadas aos deficientes e idosos sem credencial pode resultar na remoção do veículo, 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e R$293,47 de multa.
Ação Educativa no Maio Amarelo – A atividade faz parte do calendário de ações do Movimento Maio Amarelo – que é para chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo. A intenção é colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada para, fugindo das falácias cotidianas e costumeiras, efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas. (com assessoria)
Digiqole ad

Elloise Guedes - Mais Que Fato

https://maisquefato.com.br/

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *