Pais de adolescente que matou Isabele são obrigados a devolver armas e perdem licença do tiro esportivo

 Pais de adolescente que matou Isabele são obrigados a devolver armas e perdem licença do tiro esportivo

(Foto: reprodução)

O juiz da 8ª Vara Criminal de Cuiabá, Murilo Moura Mesquita, determinou nessa quinta-feira (11), aos pais da adolescente de 15 anos, que atirou e matou Isabele Guimarães Ramos, de 14 anos, entreguem todas armas que possuem dentro de casa. Isabele morreu em julho do ano passado com um tiro no rosto, dentro do banheiro de um condomínio de luxo, em Cuiabá.

Junto com as armas de fogo, o magistrado mandou que todos os apetrechos das armas, inclusive as munições sejam entregues à Justiça. As armas devem ser encaminhadas ao Comando do Exército Brasileiro.

O juiz determinou ainda a suspensão da autorização dos pais da adolescente para a prática de tiros. A Federação de Tiro Desportivo de Mato Grosso já foi notificada.

Os pais respondem por cinco crimes, sã eles: homicídio culposo, dar arma de fogo a menor de idade, posse ilegal de arma de fogo, corrupção de menores e fraude processual.

O caso

Isabele estava na casa da amiga, no condomínio Alphaville I, quando foi morta com um tiro pela amiga no dia 12 de julho de 2020.

A adolescente passou o dia na casa da amiga para fazer um bolo. Quando resolveu ir embora, passou no banheiro primeiro, onde tudo ocorreu. Os pais da menor acusada de matar Isabele, estavam em casa e tentaram omitir as provas – armas que estavam em cima da mesa de fácil acesso aos menores.

Digiqole ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *