Mendes lamenta que Assembleia tenha reprovado projeto: “precisamos salvar vidas”

 Mendes lamenta que Assembleia tenha reprovado projeto: “precisamos salvar vidas”

Depois da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) reprovar o projeto do Executivo do Estado, em antecipar os feriados e ter um lockdown de 10 dias corridos, o governador Mauro Mendes (DEM) lamentou a decisão dos parlamentares.

O projeto de lei foi votado nessa terça-feira (23) durante sessão no Legislativo e apenas um deputado estadual, o médico sanitarista Lúdio Cabral (PT), votou a favor. Ressaltando que, o próprio líder e vice-líder do Governo na Casa de Leis, Dilmar Dal Bosco (DEM) e Wilson Santos (PSDB), votaram contra o projeto de Mendes.

“Eu lamento profundamente que a Assembleia Legislativa de Mato Grosso não tenha aprovado a proposta que encaminhamos para antecipar os feriados e evitar que nós tivéssemos aglomerações e circulação de pessoas”, disparou o governador.

No vídeo, Mendes chegou a se comparar com o “mundo comercial” e disse que conhece a dificuldade do setor, pois também é empresário.

Porém, no momento a prioridade é “salvar vidas” e garantiu ajuda aos empresários. Segundo ele, o Governo vai comprar mais de 500 mil cestas básicas para distribuir no Estado, além de ter criado o auxílio de R$ 150 às famílias de extrema pobreza e linhas de crédito para as empresas.

“Precisamos da colaboração da população e dos demais políticos. Sozinhos, nós não vamos vencer essa guerra contra o vírus. Nesse momento, meus amigos, precisamos nos unir nessa guerra contra o vírus e pra vencer essa pandemia no estado de Mato Grosso”, disse.

Lembrando que, mesmo que o projeto de lockdown por 10 dias foi reprovado pela Assembleia, ele pode ser por determinação judicial.

Veja o vídeo:

Digiqole ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *