Única mulher na Assembleia, Janaina Riva diz que o ano foi de “ressignificação”

 Única mulher na Assembleia, Janaina Riva diz que o ano foi de “ressignificação”

(Foto: JLSiqueira/ALMT)

Única mulher no Parlamento Estadual, a deputada Janaina Riva (MDB) analisou o ano de 2020 como de “ressignificação” em vários sentidos, em que a Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) “chegou até a ponta”, onde mais precisava.

“Um ano em que minha atuação parlamentar foi muito mais no sentido de articulação pelos servidores públicos e pelos municípios com relação à infraestrutura, saúde e educação, do que com projetos de lei. Mesmo gestante e, muitas vezes participando das discussões de maneira virtual, fecho a minha produção parlamentar com quase de 1000 proposituras em tramitação”, disse Janaina.

A deputada, que foi reeleita como vice-presidente da Casa para o próximo biênio, destacou que foram 230 indicações apresentadas, 17 projetos de lei, 16 requerimentos, 34 moções de aplausos e pesar, 11 projetos de resolução, 580 ofícios e 65 emendas a projetos de leis, totalizando 953 proposituras em 2020.

A mesa diretora eleita para o próximo biênio e que toma posse em fevereiro é composta pelo presidente da Casa de Leis, Eduardo Botelho (DEM) – que continua no cargo -, com a primeira vice-presidente Janaina Riva (MDB) e Max Russi (PSB) como primeiro-secretário. Além deles, também compõem a chapa o segundo vice-presidente, Wilson Santos (PSDB), Valdir Barranco (PT) como segundo-secretário, Delegado Claudinei (PSL) como terceiro-secretário, e Paulo Araújo (Progressistas) como quarto-secretário.

Janaina lembrou ainda que esteve gestante no meio de seu mandato, dando à luz o terceiro filho, no final de agosto, mas que não quis ficar longe da legislatura, retornando depois de apenas dois meses.

“Das 112 emendas ao texto da Reforma da Previdência, apresentei 51 delas, sendo 31 por Lideranças Partidárias e 20 em meu nome, o que representa 45,5 % das emendas ainda presentes”, revela a deputada.

Digiqole ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *